Forrest Gump - o contador de histórias

 Forrest Gump - o contador de histórias


Forrest Gump - o contador de histórias é, sem dúvida, um grande filme! E assim me refiro à dois detalhes: a duração, que são nada menos que 2:20h; como também à produção em si. Infelizmente, quanto a este último não se tem essa ideia quando lemos a seguinte sinopse do filme Forrest Gump - o contador de histórias:

"Quarenta anos da história dos Estados Unidos, vistos pelos olhos de Forrest Gump (Tom Hanks), um rapaz com QI abaixo da média e boas intenções. Por obra do acaso, ele consegue participar de momentos cruciais, como a Guerra do Vietnã e Watergate, mas continua pensando no seu amor de infância, Jenny Curran."

Não há dúvida de que essa síntese é carente e não expressa à altura o longa Forrest Gump - o contador de histórias. Muito embora o que ali está escrito realmente aconteça, no entanto, acontece de uma forma mais envolvente. Por outro lado, quando se fala de "um rapaz com QI baixo" somos levados por uma impressão diferente da que realmente visualizamos em Forrest Gump - o contador de histórias: aqui teremos uma pessoa decidida, confiante, disposta, persistente, vitoriosa, de fácil adaptação, enfim, veremos uma pessoa que em sua trajetória colecionou conquistas! Veja também outro filme que retrata grandes conquistas e superações.

Outrossim é que, apesar da excelência de Forrest Gump - o contador de histórias, merece um à parte reprovável sob minha observação: trata-se da cena em que se supõe um adultério. Se observarmos bem perceberemos facilmente que as cenas que antecedem e sucedem à cena do adultério não justificam este tema. Acredito plenamente que o diretor Robert Zemeckis poderia ter nos poupado de uma cena de adultério, mesmo que esta tenha se feita de uma forma pouco perceptível.

A exceção disso, Forrest Gump - o contador de histórias é um excelente filme para assistir com a família. A prova disso é que Forrest Gump - o contador de histórias foi intensamente procurado quando de seu lançamento. No Brasil, Forrest Gump - o contador de histórias ficou em cartaz por quase um ano!

Outros fatores que demonstram a grande produção são os prêmios
ganhados por Forrest Gump - o contador de histórias: oscar, globo de ouro e etc.

Em Forrest Gump - o contador de histórias são abarcados temas diversos: autismo, amor, doença, morte, guerra, deficiência física, drogas e vários outros. Por esse motivo Forrest Gump - o contador de histórias se tornou um filme difícil de defini-lo em um gênero. Aqui, vemos a produção passear pelo drama, o romantismo, (um filme romântico também muito bom é O Maravilhoso Agora), o militarismo e até pela comédia! Assistindo Forrest Gump - o contador de histórias, lembrei de uma produção que abarca estes mesmos temas. Trata-se do filme Querido John.

Forrest Gump - o contador de histórias é um longa metragem um tanto distinto de muitos outros. Durante toda a produção temos um narrador que vai contando toda a história; e durante, as imagens representativas vão sendo mostradas. O narrador é o próprio Forrest Gump (Tom Hanks), daí o nome do filme Forrest Gump - o contador de histórias. Destarte, é contada, portanto, a história de vida de Forrest Gump.

Obviamente que não a irei descrevê-la ou mesmo contá-la por aqui, mas devo citar mais um fato que muito me chamou a atenção, e diante disso uma pergunta me faço (enquanto aguardo resposta): o que há de tão atrativo, aos olhos do diretor, nas pernas e nos pés?

Forrest Gump - o contador de histórias
Foto: Reprodução Forrest Gump - o contador de histórias
De fato, observe bem, que em Forrest Gump - o contador de histórias as pernas e os pés são frequentemente mostrados e apologias são feitas a tais: pernas e pés deficientes, pernas e pés fortes que correm, e pernas e pés amputados, entre outras cenas que retratam tais membros.

Durante tais cenas em Forrest Gump - o contador de histórias, percebemos o quanto de valor é dado a estes membros inferiores. Demonstra-se o quão são necessários para a vida, para o bem estar, para as conquistas. Mas claro, a ausência de tais não impede que tudo aquilo aconteça. É aí onde entra as cenas que retratam as pernas e os pés amputados!

Enfim, assistam ao grande filme Forrest Gump - o contador de histórias e perceberão que é uma produção com uma bela história de vida. É algo com que muito se pode aprender, visto as inúmeras lições de vida que ali são transmitidas: o amor incondicional, o perdão, a aceitação do outro, a aceitação da morte, a superação dos obstáculos e a fé inabalável. Falar de fé, lembramos de Deus. Há também um filme que você deverá assistir, que é intitulado Deus Existe.


Assistam
Forrest Gump - o contador de histórias e tirem suas conclusões, ganhem experiência e apliquem em vossas vidas aquilo que realmente lhe será útil e que deve mesmo ser feito. E não esqueça de passar por aqui novamente e contar sobre suas impressões.

Título Original: Forrest Gump

Diretor: Robert Zemeckis

Elenco: Tom Hanks, Robin Wright, Gary Sinise, Mykelti Williamson

Lançamento: 1994

Origem: Estados Unidos 


>> Veja também:
O Solista
Super 8 Filme
Partilhar no Google Plus

Sobre Ciência de Arte

Se você procura arte, ciência, música, humor, dicas, economia, finanças e muito mais, você está no lugar certo! Divirta-se e atualize-se com Ciência de Arte.